Sobre a Biblioteca do CP II/Centro

11164743_1711725829054812_8825859238411030282_n

Na visita à Biblioteca fui recebida pela Funcionária Ângela Velloso. A Biblioteca do CP II funciona das 7:00 às 22:00, para atender aos três turnos da instituição, conta com vasto acervo de livros didáticos e  paradidáticos, de periódicos, de literatura em vários estilos, de apostilas de questões de vestibulares e do ENEM e de gibis.

A biblioteca ainda não é informatizada, funciona com o tradicional sistema de fichas. Os usuários da biblioteca podem realizar empréstimo de até três livros por 15 dias, se não forem os de uso obrigatório, com direito a renovação, e por 7 dias, se forem os de uso obrigatório, e neste caso, não há direito a renovação. O acervo é formado por livros didáticos que fazem e/ou fizeram parte do PNLD (Programa Nacional do Livro Didático), por livros paradidáticos que fazem e/ou fizeram parte do FNDE (Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação), por livros doados por professores, funcionários e alunos, e também, na medida do possível, por livros adquiridos pela instituição de acordo com as sugestões dos usuários.

Os professores incentivam a leitura levando os alunos das séries finais do ensino fundamental à biblioteca e fazendo indicações de leitura para os estudantes do ensino médio. A biblioteca divulga mensalmente suas novas aquisições através de pequenos cartazes e ainda mantém murais com destaques dos principais jornais e revistas na entrada da biblioteca.

A funcionária esclareceu ainda, que o belíssimo salão que atualmente é utilizado como biblioteca tinha a função de salão de baile na construção original. Marcia Meneguite

Sobre o Laboratório de Física do CP II/Centro

11034184_1711727192388009_5484566395722486279_n

Na visita ao Laboratório de Física fui recebida pelo responsável pelo espaço, o Técnico Felipe Guedes. O Laboratório existe desde a década de 1920, mas passou por um longo período sem ser utilizado, de 1994 a 2014. O Técnico me esclareceu que a grande sala que atualmente é utilizada como Laboratório de Física, parece ter sido utilizada anteriormente como laboratório para as disciplinas de Física, Química e Biologia simultaneamente, isto é, para as Ciências da Natureza. O espaço conta com grande número de equipamentos que abordam os conteúdos dos três anos do ensino médio. A maior parte deles é antiga e importada, portanto com manuais em outras línguas (alemão, francês, etc.), o que dificulta um pouco o trabalho de manutenção e calibração dos mesmos. Por essa razão, eles estão retornando à atividade aos poucos, mas, paralelamente a esse trabalho de colocar em funcionamento esse acervo mais antigo, professores e técnico estão desenvolvendo experimentos de baixo custo. Marcia Meneguite

Primeiros passos no Colégio Pedro II

1907435_1711727919054603_5212991164598842940_n

Minha primeira observação no CP II foi numa aula no Laboratório de Informática (próximo à portaria). Os alunos trabalhavam em pequenos grupos, utilizando uma simulação dos movimentos uniforme e uniformemente variado no computador e respondiam a problemas que faziam parte de uma avaliação formativa. Para isso, discutiam sobre os problemas, rascunhavam seus cálculos em seus cadernos e depois os transcreviam para um formulário no computador que seria enviado ao professor. Pude perceber nessa oportunidade que os alunos se mostravam muito concentrados na execução da tarefa e tiravam muitas dúvidas com seu professor. Marcia Meneguite

 

Atividade de Preparação de Aula no Lab. de Informática

Introdução

Aulas de física no laboratório de informática devem ser interativas e ativas, isto é, os alunos devem interagir com um software/simulação e, através da experimentação/interação com o mesmo, construírem conceitos ou conhecimentos sobre um determinado tema.

Isso pode ser feito de vários modos. Um dos mais efetivos é o Professor escolher um aplicativo, definir um objetivo pedagógico e, em função destes, elaborar um roteiro de atividades para que a aula no laboratório possa ocorrer.

Um exemplo disso foi uma aula usando o Software Modellus (um software de simulação) com o seguinte roteiro de atividades..

Aqui um outro exemplo de roteiro (para ser utilizado com uma animação em java – a mesma se encontra no próprio roteiro).

Atividade de Planejamento

Com base nesta simulação prepare um roteiro de atividade para uma aula de 90 minutos no laboratório de informática, com alunos trabalhando em duplas (ou trios), com as seguinte premissas:

  • A interação dos alunos com a simulação deve levá-los a reforçar as principais caracterísiticas do MU e MUV
  • O roteiro deve ser baseado num comando para que os alunos façam na simulação e uma pergunta que eles possam responder a partir da realização desse comando
  • As atividades não podem ser muito fáceis nem muito difíceis
  • No final os alunos devem fazer uma avaliação da atividade nos 10 minutos finais da aula e, as respostas, devem ser registradas em alguma forma digital.

Publique seu roteiro aqui no Blogue (atividade publicada conta 2h de atividade de docência)!

PS: Nós vamos aplicar este roteiro em sala. Pode ser no Pedro II (terça, quinta ou sábado II) ou na sua escola de origem!

Atividade #01 de Investigação/Experimentação

Após a leitura do texto “11 dicas para se fazer uma aula invertida” realizar as seguintes tarefas:

  1. Pesquisar sobre o que é “sala de aula invertida” e apresentar um resumo da ideia em no máximo dois (02) parágrafos (aqui no blogue).
  2. Pensar num assunto na sua programação (ou na do Pedro II – 1º ano ou 2º ano) onde a “aula invertida” possa ser aplicada.
  3. Planejar essa aula invertida para ser aplicada na sua escola (ou no Pedro II).

Esta atividade, completa, contará 4 horas de atividades de docência. A data limite para completá-la é 30/04/2015

Dúvidas? Use os comentários ou nossos encontros presenciais para pensarmos juntos sobre esta atividade.

Visita aos setores administrativos

Visita aos Setores Administrativos

      Nesta semana foi determinado a vista a 3 setores do Colégio Pedro II( CPII) e são eles: a Biblioteca, a Secretaria e o SESOP. Depois da visita a estes setores foram descritos à baixo o funcionamento de cada um deles.

  • A Biblioteca.

Na vista a biblioteca pude observar seu funcionamento, como: atendimento ao público, aquisição, conservação e catalogação do acervo. A biblioteca possui livros didáticos, paradidáticos, literários, estória em quadrinhos, periódicos, assinatura de jornais e revistas científica e cultural, sendo assim, um acervo bem rico em variedades. Os serviços oferecidos são de consulta local, empréstimo para xerox, empréstimo especial, empréstimo entre bibliotecas e empréstimo domiciliar. A consulta local é um serviço apenas oferecido no espaço físico da biblioteca, o empréstimo para xerox é um serviço de empréstimo para xerocar poucas páginas, que pode ser com empréstimo local ou empréstimo especial (que será visto em seguida), empréstimo especial é um serviço de empréstimo de até 3 livros didáticos por todo semestre letivo, empréstimo entre bibliotecas é um serviço de empréstimo entre bibliotecas de diferentes instituições onde possuem regras próprias para este tipo de empréstimo, empréstimo domiciliar é um serviço oferecido onde a pessoa interessada pode retirar até 3 obras e levá-la por até 15 dias para livros em geral e 7 dias para livros de leitura obrigatória e revistas. Todos os empréstimos são feitos mediante inscrição do usuário previamente. É oferecido o serviço de reserva das obras e empréstimo.Todos os livros do acervo podem ser renovados caso não haja suspensão para empréstimo e, também pedido de reserva. A supensão de livros é uma medida utilizada para os usuários que utilizam qualquer serviço de empréstimo e não devolvem os livros na data previamente determinada onde podem sofrer alterações dependendo do tempo de atraso de entrega da obra.

 

  • A Secretaria

Na visita a secretaria foi observado vários serviços deste setor, onde são eles: renovação de matrícula, trancamento e destrancamento; inscrição para concurso de admissão de alunos; matrícula de novos alunos; lançamento de notas e frequência; emissão de boletins; emissão de gráficos de desempenho das turmas; emissão de mapas de notas; participação nos Conselhos de Classe; emissão de Ficha Escolar, Histórico e Certificado de Conclusão; emissão de Guia de Transferência; emissão de Memorandos, Ofícios e afins; emissão de Declaração de Matrícula e de Carga-horária; emissão de atestado de conduta escolar; montagem de turmas; transferência de turma; confecção de cadernetas, galeria de fotos e pasta de alunos; arquivamento de processos de alunos formados, jubilados, com matrícula trancada ou que pediram Guia de Transferência; confecção de Diários; arquivamento dos diários e canhotos de notas; atendimento a pais, alunos e professores; Censo Escolar; Levantamento diversos com relação aos alunos, cadastramento de novos alunos no Sistema on-line da instituição; protocolo, como: pedido de 2ª chamada, isenção de participação nas aulas de Ed. Física, Declarações, 2ª via de caderneta, 2ª via de Certificado e Histórico, revisão de prova, entre outros. Enfim, pude observar que toda vida escolar do aluno é documentada neste setor. Uma observação a ser feita é que, apesar, de estar descrito acima que a secretaria recebe alunos, pais de alunos e responsáveis legais é necessário fazer-se uma ressalva sobre este atendimento, que só é feito, exclusivamente, depois que o aluno e/ou o seu responsável legal e/ou pais passam por uma triagem feita no SESOP( setor que será descrito a seguir).

 

  • O SESOP

Na visita ao SESOP pude notar a importância deste setor na vida escolar do aluno, pois é neste setor onde o aluno é acolhido para resolver qualquer tipo de problema que pode ser escolar ou não. O SESOP funciona como um núcleo de atendimento ao estudante do CPII da seguinte forma, a parte administrativa onde todo o serviço burocrático é desenvolvido, a parte de orientação pedagógica onde o aluno é atendido de fato por orientadores que tem por formação pedagogia e psicologia para atendê-los na maior variedade possível de problemas relacionados com a vida escolar ou no que pode atrapalhá-lo, como conflitos internos entre alunos, dificuldade de aprendizado, algum tipo de deficiência( onde este aluno é encaminhado para outro setor específico que trata deste tipo problema, denominado NAPINE), baixo rendimento, problema de notas, erro no lançamento de notas no boletim, atendimento aos pais e/ou responsáveis legais, alunos com problemas de saúde ou que passa mal na instituição, a participação no Conselho de Classe, atendimento aos professores, dentre outros.

 

* Na visita aos setores administrativos do CPII Campus Centro, pude notar que seu funcionamento é semelhante ao da minha Unidade Escolar da Rede Estadual de Ensino, sendo que a única diferença foi no funcionamento da Secretaria Escolar, onde no CPII a secretaria, normalmente não atende alunos, pais de alunos e/ou responsáveis legais, no entanto, nas Unidades Escolares da Rede Estadual de Ensino a secretaria atende a todos que ali procuram para resolver qualquer pendência ou outro tipo de problema ao qual este local seja o responsável, sendo assim, a Secretaria Escolar da Rede Estadual de Ensino é um setor independente no que tange o atendimento externo e interno no âmbito escolar.

Atividades para as semanas 13-25/04

Olá!  Como atividade de formação seguem 3 artigos para que sejam lidos e fichados. O fichamento deve ser publicado aqui no blogue. Se preferirem, podem fazer o fichamento na forma de mapas conceituais!

Clique nos títulos para baixar os arquivos em PDF.

Publiquem um texto para cada fichamento.

 

Atividades nos Setores Administrativos

Na semana dos dias 07/04 ou 09/04 vocês deverão visitar os setores administrativos-pedagógicos do Campus Centro:

  • Secretaria – Falar com ;
  • SESOP – Falar com ;
  • Biblioteca – Falar com ;
  • Laboratório de Física – Falar com Felipe.

Após a visita (não precisa ser no mesmo dia) vocês devem apresentar um relatório (resumido) das principais características destes espaços e, se for o caso, uma breve comparação com o equivalente na sua escola de origem.

E sim, esse relatório deve ser publicado aqui no blogue. E, também, deverá constar no Relatório Semestral de atividades desenvolvidas (item 4.2 do manual do PRD).

Primeiro dia no PRD

Boa tarde!

No meu primeiro dia efetivo aqui no Colégio Pedro II, pude perceber a diferença entre os alunos do Colégio Pedro II e os alunos da Rede Estadual de Ensino. Os alunos da Rede Estadual, não são dedicados em aprender disciplinas de exatas, pior ainda a disciplina de Física, o que torna nosso trabalho árduo. Já os alunos do Colégio Pedro II,  apesar de conversarem um pouco em sala, como todo adolescente, são dedicados às aulas de Física, fazem as tarefas em sala de aula e se mostram aplicados em aprender.

Foi um breve relato do que pude perceber no meu primeiro contato no PRD.

Mara Quirino.

Atividades da Primeira Semana

Introdução

Vamos iniciar nossa caminhada no Programa de Residência Docente (atividades do 1º Ciclo aqui) em 30/03. Nosso objetivo é que este programa produza:

  • Crescimento Profissional e Pessoal dos seus participantes;
  • Impacte positivamente a sala de aula de todos os envolvidos;
  • Produção de disrupção na Escola;
  • Que seja prazeroso para todos os envolvidos.
  • Produção de Produtos Acadêmicos.

Cronograma para o Produto Acadêmico Final

Para que o produto acadêmico final possa ter o máximo de qualidade, nossa intenção é que ele seja desenvolvido gradativamente, desde o primeiro dia do PRD, ao longo de todo o seu período. Assim, eis nossa proposta de cronograma:

Cronograma PRD-2015

Cronograma PRD-2015 (Clique na imagem para ampliá-la)

Assim, como primeira tarefa, da primeira semana (para o produto acadêmico final) proponho que vocês pensem (e escrevam) sobre:

  • A Escola que aí está é adequada para os nossos jovens?
  • O que podemos fazer, na sala de aula real, dentro das nossas limitações, para que possamos nos aproximar da Escola que queremos?
  • Que intervenções, na sua sala de aula, ou no seu programa, ou na organização da sua sala de aula, ou no funcionamento da Escola, ou etc…seria desejável fazer!
  • O que os seus alunos pensam sobre isso? Já perguntou? Como poderíamos indagá-los sobre isso?

Estas questões são apenas uma “tempestade de ideias” inicial! Pensem sobre as mesmas e registrem, livremente aqui no blogue!

Esta atividade conta (4h/200h) de atividades de formação continuada! E vocês podem publicar até 30/04!

Não esqueçam de preencher a ficha que foi enviada pra vocês e me enviem por e-mail!

Vamos que vamos!